Como fazer uma obra gastando pouco?

Como fazer uma obra gastando pouco?

02/01/2019 Off Por Tatiana Peterson

Faça investimentos inteligentes na hora de planejar e executar a sua obra

Você tem medo de fazer uma reforma por medo do custo da obra? Saiba que você não está só. De fato, muitas pessoas decidem fazer uma obra e iniciam a empreitada cheias de entusiasmo. Mas, quando colocam os custos na ponta do lápis, descobrem que gastaram muito mais do que o planejado. E, pior ainda: em muitos casos, o resultado sai bem aquém do esperado. Então, como fazer uma obra gastando pouco, porém alcançando seus objetivos? Confira essas 5 dicas que podem ajudar você a avaliar o que é melhor a sua obra:

1- Preste atenção no barato que sai caro

Este é provavelmente o ponto crucial que determina o sucesso da sua obra. Muitas vezes, você decide fazer tudo sozinho, desde a busca da mão-de-obra até a compra do material. Se você tiver conhecimento prévio na área, tudo bem. Porém, não se aventure: a contratação de profissionais qualificados como arquitetos e engenheiros, podem sim fazer você economizar bastante. Estes profissionais podem realizar projetos bem organizados, inclusive fazendo previsões de custos, de acordo com aquilo que você deseja, além de diversas alternativas de custo-benefício.

Para fazer uma obra gastando pouco é preciso avaliar bem o custo-benefício

2- Invista em um bom projeto

Um bom projeto não é um documento estático. Ele é fruto de boas conversas e busca de consenso entre você e o profissional contratado, seja ele arquiteto ou engenheiro. Procure perguntar e discutir cada detalhe da obra, para que os custos de cada etapa sejam bem elucidados. Algumas mudanças pequenas podem significar boas reduções de custo. Por exemplo: se você for colocar porcelanato, as peças maiores tem um custo de mão-de-obra mais elevado do que as peças de tamanho padrão. É um detalhe sutil, que pode não ter tanta diferença estética, e pode representar uma boa economia para você.

3- Opte por acabamentos mais em conta e atuais

Mármore, pintura acrílica, paredes brancas. Tudo isso pode representar um bom acréscimo no custo da sua obra. E, muitas vezes, alguns acabamentos mais baratos estão, inclusive, entre as tendências mais atuais. Por exemplo: nos banheiros, está em alta fazer a pintura das paredes e azulejar apenas a área de banho. Isto representa uma grande economia. Paredes e pavimentos podem ser feitas de cimento. O tijolo aparente também é uma opção interessante e econômica. Canos à mostra também aparecem com frequência nas construções de estilo industrial, o que pode poupar seu orçamento.

Como fazer uma obra gastando pouco?

Como fazer uma obra gastando pouco?

Algumas tendências mais atuais são também as mais baratas

4- Tome cuidado com materiais de baixa qualidade

Material barato quase sempre é sinônimo de prejuízo futuro. Aí está outro ponto-chave ao fazer uma obra gastando pouco, mas de maneira inteligente. Por exemplo: metais e encanamentos baratos podem em pouco tempo ser fonte de vazamentos. Estes problemas ocasionam prejuízos na marcenaria ou nas paredes, obrigando você a ter de refazer partes da construção. Pisos e revestimentos de qualidade duvidosa podem deteriorar e manchar em um curto prazo, deixando você decepcionado e tendo de arcar com mais prejuízos.

5- Tenha um bom acompanhamento da execução da obra e um prazo determinado para entrega

Mesmo que você tenha um profissional acompanhando a execução da obra, fique atento. Você também deve seguir de perto o que está acontecendo. Esclareça sempre suas dúvidas e estabeleça prazos para o cumprimento de cada etapa da obra. É claro que muitas vezes é preciso ser flexível, pois contratempos podem ocorrer. Você mesmo pode pedir alterações no projeto inicial, o que demanda mais tempo na conclusão da obra. Porém, com organização, planejamento e bom-senso, sua obra vai sair exatamente como você deseja.

Enfim, para fazer uma obra gastando pouco, é preciso equilíbrio, boas avaliações e previsões de custo realistas. Escolha profissionais que você possa sentir segurança e transparência. Afinal, uma obra é um investimento alto que pode determinar como será a sua qualidade de vida no dia-a-dia. Gostou das dicas? Então, fique informado sobre as últimas tendências e dicas de arquitetura e construção, seguindo sempre o Blog da EGG43.